sac@lordellotreinamento.com.br
+55 11 4759 1939

Publicações

Dicas importantes segundo experiências vivenciadas.

Celular: segurança ou perigo?

Na semana passada fui convidado a participar do programa “Conteúdo”, exibido pela Rede Bandeirantes e apresentado pela âncora Liliane Ventura. O assunto abordado foi: “Telefone celular é um meio seguro ou inseguro de comunicação?”. Conversamos ao vivo com uma assistente do Procon de São Paulo, que confirmou o aumento de queixas contra as operadoras de telefonia celular.

Gostaria de expor ao amigo leitor o problema sofrido por um médico, após um assalto. A vítima foi abordada por dois marginais armados quando chegava em casa. Subtraíram seu veículo, documentos, cartões de crédito, de bancos e telefone celular. Após uma semana, o telefone residencial do médico tocou às 2h da madrugada. Preocupado, pois seu filho estava viajando, o médico atendeu e uma voz sinistra fez a seguinte ameaça: “Boa noite, aqui quem fala é o ladrão que o assaltou na semana passada. Estou com seu telefone celular e gostaria de vendê-lo ao senhor por dez mil reais”. A vítima respondeu que já havia comprado um novo aparelho e não tinha interesse na proposta formulada pelo bandido. O criminoso berra na linha: “Não estou brincando não Doutor. Quero dez mil reais pelo celular, senão vou matar um dos seus parentes que consta na relação de telefones que descobri em seu aparelho”. O médico felizmente entrou em contato com a polícia civil que acabou prendendo toda a gangue.

Algumas dicas são importantes para os proprietários de aparelhos celulares:

1) Não é aconselhável manter telefones e nomes de familiares, bem como fotos, na agenda telefônica do celular, pois seria uma fonte interessante para criminosos especializados em seqüestros;

2) Jamais forneça dados particulares, como números de RG ou CPF, conta de banco, senhas, entre outros pelo telefone;

3) Para evitar clonagem do celular, mantenha-o desligado nas proximidades de aeroportos e rodoviárias e, em caso de conserto, utilize apenas lojas autorizadas pelas operadoras;

4) Cuidado com o falso seqüestro pelo celular. Não caia na conversa dos criminosos que ordenam depósitos imediatos. Dirija-se imediatamente à Delegacia mais próxima e registre ocorrência;

5) O identificador de chamadas é um ótimo sistema para identificação de golpistas, trotes, ameaças, etc;

6) Não incentive o uso de telefone celular por crianças;

7) Lembre-se que ao aceitar conversar com um estranho pelo celular, você pode correr o mesmo perigo de quem gosta de esticar papo com desconhecidos na rua.

Dr. JORGE LORDELLO
Escritor Internacional
Pesquisador Criminal
Palestrante e Conferencista
Delegado de Polícia Licenciado
Consultor de Segurança
Apresentador do Programa Proteja-se

© Direitos Autorais Reservados

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: